Como se organizar para escrever

Não costumo me sentar diante do computador para escrever sem antes ter dedicado algum tempo em planejamento.

Pode parecer estranho falar de planejamento em uma atividade que parece ser criativa, como escrever. Porém, planejamento é necessário em todos os processos da nossa vida como casar, viajar, ter filhos, adquirir bens, se formar na faculdade, entre muitas outras coisas que ocorrem nas diferentes fases da nossa existência.

Se planejar para escrever significa, em termos simples, organizar as suas ideias e anotações em uma estrutura que lhe permita sequenciar a sua estória dentro de cenas e capítulos, de forma que seja possível perceber para onde a estória será conduzida. Sem planejamento, o risco de ficar perdido durante o processo de escrita é grande.

Antes de sentar para escrever minha estória, dispensando em cada linha criatividade e inspiração, faço antes um trabalho que exige certa disposição mental e até física.
Trata-se de escrever o resumo da estória contendo o início, o meio e o fim dela.

Este resumo, de início é um rascunho no qual trabalho por algum tempo até sentir-me satisfeito com sua primeira versão. Depois eu melhoro, melhoro e melhoro até chegar ao ponto onde consigo enxergar de forma macro tudo o que acontecerá na estória.
Neste resumo não me preocupo em minuciar os personagens e os cenários. Para mim, o mais importante é descrever a ação, isto é, o que acontece, com quem, onde, porque e quando.

Existe uma estrutura pronta e difundida para se criar uma cena. Esta estrutura possui elementos que quando utilizados ajudam bastante a compor uma boa cena.

Particularmente gosto da ideia de dispensar algum tempo em estruturar minha estória em resumo.
Isto me ajuda a visualizar todo o conteúdo e assim me direcionar no caminho certo enquanto escrevo, sem perder o foco, e me antecipando o próximo capítulo.

Portanto, antes de começar a escrever eu me organizo fazendo um “trabalho pesado”.
Possuir um bom resumo da estória me deixa seguro para explorar a criatividade, sabendo para onde a estória está indo.